pdca_logistica_acompanhe

26 mar Ciclo PDCA: Por que esse método deve ser aplicado em sua logística

Você já ouviu falar sobre o ciclo PDCA? Essa ferramenta de gestão tem como objetivo a melhoria na entrega dos resultados através do planejamento e da execução de diversos processos.

A sigla PDCA significa Plan, Do, Check, Act – a tradução é Planejar, Fazer, Verificar, Agir – e é muito utilizada por empresas que desejam bater suas metas com organização e qualidade.

Nesse conteúdo, vamos te explicar o motivo de optar pelo ciclo PDCA e como utilizá-lo da melhor maneira possível na logística do seu negócio.

Mas, antes, vamos entender o que cada uma dessas ações proporcionam para a sua empresa, seja ela pequena, média ou grande, na prática. Confira a seguir:

Planejar

Essa é a primeira e mais importante das etapas no momento de colocar o ciclo PDCA em prática, até porque não é possível colocar uma estratégia em prática sem planejamento, não é mesmo?

Nessa etapa, é essencial desenvolver detalhadamente quais são as fases, desenhar fluxos, analisar onde está o problema e definir qual é o caminho para solucioná-lo, definir quem serão as pessoas responsáveis por colocar todo o plano em ação, entre outras questões.

Fazer

Nessa etapa, todos os planejamentos que foram estabelecidos na etapa anterior serão colocados em ação, por isso é importante ter todo o caminho traçado para que nada saia do controle.

Além disso, é nessa fase que todas as informações e os dados da execução serão colhidos para que sejam avaliados na fase seguinte.

Verificar

Nesse estágio, como dito anteriormente, todas as informações são verificadas. O objetivo dessa etapa é identificar qualquer falha que tenha ocorrido, dados referente à execução do planejamento, a maneira como a ação está sendo feita e qualquer outra informação importante para calcular como a ferramenta está funcionando.

Qualquer necessidade de reajuste deve ser identificado aqui para que possa ser alterado. Por exemplo, se o ciclo PDCA está sendo aplicado em estratégia de vendas, é importante saber qual é o déficit – caso ocorra -, para que outras técnicas de vendas sejam planejadas com a ferramenta.

Agir

Essa é a fase em que todo o plano definido como padrão, uma vez que todas as metas foram atingidas.

Caso alguma meta tenha ficado em aberto, é necessário reiniciar o ciclo PDCA e realizar mudanças corretivas, sempre buscando por melhorias para aperfeiçoar o trabalho em equipe e fazer com que a ferramenta traga resultados satisfatórios.

Importância de aplicar o ciclo PDCA nos processos

O ciclo PDCA é uma das metodologias mais utilizadas para identificar falhas e corrigi-las por meio de um processo de gestão.

Uma empresa de logística, por exemplo, que busca por métodos eficazes para a execução dos processos deve avaliar muito bem como o PDCA pode ser interessante neste caso, uma vez que a diminuição dos erros utilizando a metodologia é considerável. Trata-se de uma ótima alternativa, principalmente nessa área em que as falhas levam a grandes prejuízos.

Outro exemplo são empresas que realizam vendas através de um portal b2b, sendo necessário minimizar os erros para que vendas não sejam perdidas e a empresa tenha visibilidade para continuar sua comercialização.

Vantagens de aplicar o ciclo PDCA

Agora que você aprendeu as fases do ciclo PDCA e a importância de aplicá-lo em sua empresa, é essencial ter conhecimento das vantagens que essa ferramenta pode te proporcionar.

O ciclo PDCA é eficaz para otimizar a gestão dos processos e, por isso, ele pode ser utilizado em qualquer área da sua empresa, além de ser eficaz em diversos tipos de negócios, sejam eles voltados para vendas, logística, telemarketing, entre outros ramos.

Outra vantagem de utilizar o ciclo PDCA é a diminuição das falhas de forma rápida e precisa, já que é possível identificar a raiz do problema e desenvolver um planejamento para solucioná-lo com facilidade.

A ferramenta proporciona, também, a motivação do trabalho em equipe, fazendo com que a comunicação na empresa seja essencial para desenvolver cada etapa da estratégia e cada funcionário tenha sua participação nos processos.

E, claro, a maior das vantagens de aplicar o ciclo PDCA é a segurança na tomada de decisão, uma vez em que a estratégia permite informações precisas e relevantes.

Por exemplo, uma empresa que realiza vendas precisa determinar como conseguirá o valor do ticket médio calculado e decide utilizar o PDCA. Uma coisa é certa: no estágio de verificação, caso as etapas anteriores estejam corretas, a empresa conseguirá ter os números exatos.

Coloque o ciclo PDCA em prática e veja a mudança

Neste conteúdo você aprendeu o que é e como utilizar a ferramenta do ciclo PDCA e como os processos podem se tornar eficazes e assertivos em sua empresa!

Também conferiu que a ferramenta funciona para qualquer tipo de empresa e em qualquer área de atuação, uma vez que todos os processos costumam requerer planejamento e acompanhamento.

Sendo assim, esperamos que você comece a utilizar essa ferramenta para a gestão de processos, determinando os erros que não podem ser cometidos, atingindo as metas e obtendo, então, ótimos resultados!

Temos certeza que toda as áreas da sua empresa crescerão muito e apresentarão melhorias consideráveis, seja em atividades manuais ou não. Coloque já o ciclo PDCA em prática e veja essa mudança acontecer.

 

Conteúdo produzido por Tarsila Serafim – redatora no Marketing para Indústria