25 jun Logística de distribuição: como funciona e qual sua importância?

A logística de distribuição pode ser definida como um conjunto de atividades estruturadas referentes a gestão de materiais desde a produção até a entrega ao consumidor final. Para a distribuição ser eficiente, é preciso disponibilizar a quantidade certa de mercadoria, no momento e no lugar certo, para otimizar processos e para que as operações também sejam lucrativas.

Existem plataformas que podem contribuir para a otimização de processos, principalmente na área de distribuição da logística. O Movecourier é uma solução tecnológica de gestão e monitoramento de coleta e entrega em tempo real, que possibilita a racionalização e acompanhamento da movimentação logística dos entregadores. A plataforma oferece gestão, rastreio, otimização de rotas, alertas de inconformidades, alertas proativos a clientes e outras funcionalidades.

Confira as principais etapas da logística de distribuição:

Gestão de transporte

Essa etapa é a primeira e uma das mais importantes. Envolve também a escolha adequada de como o produto vai ser transportado e se a frota será própria ou terceirizada. Mesmo que o serviço de transporte seja terceirizado, é necessário que haja uma boa administração para que a contratação seja satisfatória.

Checagem e expedição de carga

Nessa etapa ocorre a conferência de quantidade, tipo e destino de todas as cargas. Utilizar ferramentas como leitores de código de barras dão segurança e praticidade para esta conferência. É uma etapa que está relacionada diretamente com a satisfação do cliente, então erros na conferência podem acabar gerando devoluções que por fim causam prejuízos.

Controle de frete

Nesta etapa são definidos alguns fatores, entre eles estão o cálculo de frete, as cotações, a negociação e as formas de pagamento. Com o controle de frete, a empresa otimiza inúmeras atividades, ganhando na agilidade em diversas operações e aumento a qualidade dos processos.

Análise de indicadores

Esta é uma etapa fundamental e importantíssima dentro da logística de distribuição. Afinal, pode-se analisar indicadores, monitorar e gerar informações sobre como está o funcionamento dos processos. Dashboard de indicadores permite que decisões sejam tomadas, além de criar um viés administrativo capaz de prever e minimizar possíveis problemas.

Roteirização – Monitoramento de entregas

A última etapa, mas não menos importante, é referente às rotas utilizadas pelos veículos até a entrega dos produtos, como também, uma boa torre de controle com informações de rastreio dos profissionais em campo, permitem a logística acompanhar e interagir no roteiro das entregas e nas inconformidades recebidas.

O Movecourier ajuda a otimizar as rotas e monitorar a execução em tempo real, para obter um menor custo com as entregas, além de combustível e tempo.

FOTO: RUCHINDRA GUNASE
ESCRITO POR: JÚLIA RESENDE GAFFREÉ