moveideias-princiapis-desafios-da-logistica-urbana

11 out Principais desafios da logística urbana

A demanda crescente dos mercados e os novos padrões de produção modificaram o esquema logístico das empresas. Diante desse novo cenário, é preciso repensar a malha de distribuição para dar conta de atender aos consumidores das grandes cidades.

A concentração de pessoas e o fluxo intenso de veículos podem representar desafios nas entregas, comprometendo o desempenho da equipe e, consequentemente, a relação com o consumidor.

Vencer essas barreiras depende de planejamento e, pensando em te ajudar nessa missão, organizamos as melhores dicas para otimizar sua logística urbana!

Crescimento do e-commerce

Comprar ficou mais fácil com a chegada da Internet. O e-commerce deu saltos de popularidade nos últimos anos, tornando-se a opção preferida dos consumidores que visam evitar as longas filas das lojas físicas e o deslocamento até elas.

O comércio eletrônico permite uma ampla pesquisa de preço e a compra pode ser feita com poucos cliques — e é aí que entra a logística. Com o alto número de compras feitas pela Web, a demanda por entregas cresceu, mas o volume das mercadorias é menor.

Isso quer dizer que a quantidade de viagens demandada das empresas aumentou e, para dar conta de suprir os deslocamentos necessários, as empresas têm apostado na “volta à cidade”.

Em vez de manter os centros de distribuição nas áreas periféricas, uma alternativa é concentrar os depósitos perto dos rodoanéis. Com a exigência de agilidade nas remessas, concentrar o armazenamento no centro das cidades garante que o produto esteja mais próximo do cliente.

Fracionamento de entregas

O tráfego caótico das metrópoles pode complicar a logística urbana. Na contramão dessa dificuldade, o cliente espera entregas cada vez mais rápidas. Para contornar o problema, a solução é contar com instalação de estoques em áreas menores.

Apostar em centros de estocagem e distribuição dentro da cidade, separados por bairro, ajuda a agilizar o transporte da mercadoria. O pedido do cliente pode sair do centro mais próximo de sua casa, garantindo o menor trajeto do produto até o destino final.

Se você passeia pelos sites estrangeiros, já pode ter se deparado com o termo drop off points — em tradução livre, “pontos de coleta”. A teoria é apostar nesses pontos, onde pequenas soluções de entrega, como motoqueiros contratados pela empresa, podem recolher as mercadorias e realizar o despacho a curtas distâncias.

Cliente ativo no processo de entrega

Uma barreira da logística urbana é a satisfação do cliente, que quer seus produtos entregues com qualidade e no menor prazo possível. Para empresas de pequeno e médio porte, incluir o cliente como ativo no processo de entregas é desafiador, exigindo muita organização.

No exterior, a medida é chamada de click and collect. O consumidor acessa o comércio eletrônico, compra o produto e depois pode retirá-lo nas lojas físicas. Outra modalidade logística são os locker boxes — pontos em que o cliente leva o comprovante de pagamento ou senha fornecida pelo e-commerce e retira a compra.

Nos dois casos, o desafio logístico passa a ser repor os estoques nas filiais em que o consumidor vai retirar sua mercadoria.

Aplicando o software teuPedido, o cliente tem informações detalhadas da localização de suas compras e é notificado do percurso da mercadoria. Assim, fica mais fácil mantê-lo informado e garantir que ele retire o pedido nos centros de coletas.

Otimização do Last Mile

Já ouviu falar em última milha? Esse momento final da entrega precisa receber atenção especial a fim de garantir uma entrega de qualidade, dentro da expectativa do consumidor. O item deve chegar bem embalado, dentro do prazo contratado e no endereço solicitado pelo cliente.

Nas grandes cidades, conseguir ter sucesso no Last Mile fica mais complicado por conta do alto volume de despachos e do tráfego intenso.

Para contornar esses problemas, aposte na plataforma Movecourier! O sistema permite visualizar todo o trajeto da mercadoria até o comprador, evitando avarias e atrasos no serviço. No Last Mile, fase decisiva da entrega, o Movecourier entra para garantir a economia de rota e o rastreio dos pedidos.

Agora que você conhece os maiores desafios da logística urbana, que tal contar com a ajuda de quem entende do assunto para contorná-los e ter sucesso nas entregas? Entre em contato com a Moveideias e conheça nossas soluções!